Categorias
Notícias

Projeto ‘Refletir’, que trabalha na reorientação de homens acusados de violência doméstica, lança segunda turma

Homens que estão respondendo a processo por violência contra mulheres participam, nesta quinta-feira (17), às 19h, do lançamento da 2ª turma do projeto ‘Refletir’, que tem o objetivo de ofertar oficinas para despertar a consciência da não violência contra mulheres e evitar reincidências. O projeto é uma parceria do Ministério Público da Paraíba (MPPB) por meio da Promotoria de Justiça de Defesa da Mulher de Bayeux e do Serviço Pastoral dos Migrantes do Nordeste (SPM-NE) e se integra às ações de enfrentamento à violência que o SPM-NE tem desenvolvido no bairro com o Projeto de Redução da Violência. A solenidade ocorre na sede do SPM, localizada à Rua Senador Rui Carneiro, nº 40, no Conjunto Mário Andreazza.

O ‘Refletir’ tem intuito de ser uma formação cidadã, despertando a consciência dos homens inscritos para a não violência contra as mulheres. O educador Diego da Silva Jacinto ressalta que as oficinas geram mudança de comportamento nos homens que participam do projeto. “O projeto tem esse objetivo de levar esses homens a refletir sobre as próprias condutas e nós fazemos isso a partir de discussões sobre gênero, cultural patriarcal e a Lei Maria da Penha. Com essas discussões eles são levados a refletirem sobre o conjunto de atitudes violentas que violam os direitos das mulheres”, disse.

Fonte, leia mais em Paraíba Feminina.